sábado, 15 de Setembro de 2012

A viagem do tomate V

Tomate coração de boi.
Provei muito tomate. Gordo e tosco.

Esta viagem começou com a curiosidade de uma sopa de tomate e terminou com uma oferta de tomate, daí o titulo da viagem: A viagem do tomate.
A salada de tomate, foi também a salada mais comida ao longo de 15 dias. Por vezes pedia só o tomate. O azeite e o sal vinham sempre à parte e era eu que a temperava. Como não gosto da salada de tomate com vinagre, dispensava-o. E revelou-se uma boa estratégia. Assim, chegava-me sempre à mesa a garrafa do azeite, nunca o galheteiro, o que me possibilitou conhecer mais azeites e suas marcas (zonas, variedades, etc..). Lembrem-se que a Andaluzia é a zona de Espanha onde se produz mais azeite. Azeites bons e menos bons. Mas dos que provei posso dizer que o balanço foi positivo.

Salada de tomate temperada por mim num restaurante, algures em Espanha



Deixo-vos um pequeno apontamento do meu ideal de restaurante. O ultimo desta viagem.


Este Restaurante foi-lhe atribuido o  "Galardón al desarrollo sostenible". Estes sítios, restaurantes e cozinhas preocupados com
sustentabilidade, fazem cada vez mais sentido para mim, e procuro-os. Muito do que ali é servido vem das hortas do pai ou sogro do  Manolo, e do  Parque Natural de la Sierra de Aracena y Picos de Aroche ( cogumelos, castanhas, caça...).
Já conheço este restaurante há muitos anos. Ali, o Manuel Barrero proprietário ( conhecido por Manolo),  e outros amigos que fiz,  estragam-me com mimos. 
Um lugar que ficamos sempre com vontade de voltar.

Desta vez, quando lá cheguei pedi salada de tomate e meia ração de Jamón Ibérico de Bellota Gran Reserva. Este, é sempre servido com uma torrada de um pão muito bom, e bem regado com excelente azeite. Com as bebidas foi-nos oferecida uma tapa de patatas aliñadas.





 A horta.
O pai do Manolo na horta

O ajudantes mais pequenos


Quando é temporada, podem encontrar uma grande variedade de cogumelos daquela zona na mesa do Restaurante.
Eu gosto deles preparados da maneira mais simples: crus ou grelhados só com sal.

O Gurumelo Amanita Ponderosa só com sal, sumo de limão, azeite e uma pitada de pimenta preta, cortado finamente.  
Imagens guardadas de um dia de Outubro.

Gurumelo Amanita ponderosa






Grelhados só com sal e servidos com azeite e Jamon de Bellota... 


 Gurumelo Amanita ponderosa e Boletus edulis grelhados com sal
e servidos com azeite e Jamón Ibérico de Bellota


Cada vez que vou a este restaurante oferecem-me sempre coisas daquelas hortas. Os mimos.


 Um sitio muito especial em Aracena e recomendo. Restaurante Montecruz.

Aracena

E com a bagagem carregada de tomate e outros produtos da horta, cheguei a casa.

Olhapim,

Alentejo...


A viagem do tomate I
A viegem do tomate II
A viagem do tomate III

A viagem do tomate IV
*A viagem do tomate V

2 comentários:

  1. Tudo com aspecto tão maravilhoso!

    E adoro esse tomate. As saladas com ele são sempre devoradas :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Argas
      Obrigada.
      Por aqui tenho muita dificuldade em encontrar esta variedade de tomate. Por isso é muito apreciado.
      Verdade. É um tomate muito guloso.


      Eliminar